Como ganhar dinheiro na internet

Tempo de leitura: 8 minutos

É notório o crescimento constante do uso da internet em nosso país. Em qualquer lugar que você se encontre, estar conectado é extremamente crucial. Frases como “qual a senha do Wi-fi? ” tem se tornado bem comum no nosso dia a dia.

Um dos principais motivos disso é o avanço da tecnologia e a “facilidade” de se conectar com o mundo digital, ou seja, a acessibilidade ao mundo virtual.

Com essa grande evolução o mercado tende a também se atualizar. Por esse motivo, vendas em lojas online, vendas de serviços virtuais, estão em alta, afinal é muito cômodo para o usuário fazer tudo isso do conforto de seu lar.

Se existe esse mercado de compra e venda pela internet, tem alguém lucrando com isso!

Esse alguém pode ser você! E meu principal objetivo com esse blog é fazer você entender como entrar nesse mercado milionário e conseguir a sua liberdade financeira, assim como eu e meus colegas/parceiros estão fazendo. E o melhor, tudo isso sem precisar sair de casa.

Sem mais delongas vamos ao que nos interessa. Abaixo vou mostrar quais são as principais formas de ganhar dinheiro pela internet e qual a que eu estou utilizando hoje.

Formas de ganhar dinheiro pela internet

As formas abaixo listadas são apenas as principais, existem inúmeras outras maneiras de lucrar.

Mercado de Afiliados

Consiste em um mercado onde você vende um produto que não é seu. Você se afilia (sem possuir vínculo empregatício) a alguma empresa ou info-produtor e vai anunciar seus produtos recebendo uma comissão para cada venda.

Aqui os produtos podem ser físicos ou digitais, para cada um deles existem estratégias diferentes.

Prós: Baixo investimento, Comissões que chegam a 70% da venda (com produto digital), não precisa dar suporte aos compradores, infinidade de nichos de atuação.

Contras: Se você for leigo precisará de alguns cursos para conhecer as estratégias (Criação de blog, Técnicas de E-mail Marketing, SEO para alavancar as vendas). Como é um mercado “novo” você tem que se manter atualizado e não ficar para trás.

Esse mercado é melhor forma de você começar sua jornada. O investimento aqui é quase zero (apenas para o curso), e o retorno é muito rápido! Nesse artigo eu explico melhor.

Mercado de Info-Produtores

Se você possui alguma habilidade incomum, seja ela um dom, ou uma especialidade na qual você se destaca, e existem pessoas querendo aprender suas técnicas, esse é o melhor ramo para você.

Por exemplo, se você é um bom guitarrista e possui algumas técnicas de ensino legal, poderá criar um curso digital e disponibilizar para venda. Este curso pode ser por meio de vídeo aulas em plataformas próprias ou até mesmo um Ebook.

Ele está muito ligado ao mercado de afiliados pois são eles quem vão vender seu produto.

Prós: Você se torna uma “autoridade” na área, você lança o produto e fica vendendo o mesmo por um bom período (enquanto o conteúdo for atualizado)

Contras: Suporte ao aluno, depende da venda de terceiros (Afiliados), requer tempo para criação do produto.

Mercado de E-Comerce (Loja Virtual)

Um segmento que cresce bastante e que consiste na criação de um site onde nele será feita a venda de produtos, normalmente físicos. Ultimamente tem sido muito utilizado por microempreendedores regionais que possuem lojas físicas e querem vender seus produtos para todo o país.

Aqui, o comum é a contratação de uma agência especializada para cuidar da sua loja virtual.

Prós: Aumento significativo das vendas, loja passa a criar uma maior “autoridade”.

Contras: Contratação de terceiros para cuidar do site, logística para entrega dos produtos.

Blog de visitas

Consiste na criação de um site ou blog onde o principal objetivo é conseguir uma grande quantidade de visitantes. O Webmaster tem parceria normalmente com o google, através do Adsense, onde seu site começará a mostrar banners de anúncios. Cada clique nesses banners te trará uma pequena quantia (centavos). Essa pequena quantia multiplicada por milhares gera uma boa renda.

É também uma estratégia usada por aqueles que trabalham com site adulto, entretanto a parceria deixa de ser com o google, que detesta conteúdo adulto, e passa a ser com outra empresa.

Prós: Ganho escalável e replicável, ganhos em função do dólar.

Contras: Leva um tempo até seus ganhos começarem a ser significativos, depende muito da qualidade do conteúdo para atrair leitores, depende da quantidade de visitas diárias.

YouTube

Lançar um vídeo no youtube é muito simples. Fazer ele ter milhares de visitas também não é impossível. Agora, monetiza-lo não é para qualquer um.

Não que seja difícil, mas sim porque você precisa entender o sistema de pagamento deles que também é através do Adsense.

Basicamente, eles te pagam uma quantia para cada mil visualizações no canal. Esse valor varia muito e depende de vários fatores.

Então, quanto mais vídeos e visualizações mais grana você recebe.

Prós: Ganho escalável e replicável, ganhos em função do dólar, você se torna uma autoridade/celebridade, possibilidade de fechar parcerias.

Contras: Demora para iniciar os ganhos, investimento em equipamentos e softwares para produção.

Freelancer de conteúdo

Existem muitos donos de site que não sabem ou não tem tempo para escrever bons artigos, manuais… Conteúdo de qualidade. Com isso eles pagam para pessoas criarem esse conteúdo.

Esse pagamento normalmente acontece em função da quantidade de palavras escritas por texto ou por algum outro parâmetro acordado entre ambos.

Existem plataformas, como a Workana, que reúnem tanto freelancers como pessoas que precisam desse serviço, tornando a negociação mais simples e segura para ambos.

Se você está precisando de um dinheiro rápido para sair do sufoco e sabe escrever um bom conteúdo, esse método é bem interessante.

Prós: Dinheiro imediato, grande demanda (para aqueles que desenvolvem bons conteúdos), possibilidade de fechar parceiras.

Contras: Requer tempo para desenvolver conteúdo de qualidade, não dá para ficar “rico” trabalhando de freelance, é um trabalho que depende exclusivamente de você (não gera renda ativa).

Mercado da Fotografia Digital

Não deixa de ser trabalho de um freelaner, entretanto é voltado para fotógrafos.

Assim como tem pessoas que precisam de textos, tem também os que precisam de fotos. Se você possui uma boa câmera, e tem a “mão boa” para fazer fotos profissionais, esse mercado dá para garantir boas quantias de dinheiro.

Aqui também existem plataformas especializadas em compra e venda de imagens para a segurança de quem vende e de quem compra.

Prós: Dinheiro imediato, grande demanda (para aqueles que desenvolvem bons conteúdos), possibilidade de fechar parceiras.

Contras: Investimento em material de qualidade para tirar boas fotografias.

Nada de dinheiro fácil!

Muitos pensam que ao entrar no mercado de empreendedorismo digital vão ficar ricos da noite para o dia, que é só apertar alguns botões e o dinheiro vai começar a cair na sua conta, ou que é só lançar um vídeo e se tornar a mais nova estrela do Youtube. Sinto lhe informar que não é assim tão fácil!

Sim, existem aqueles que conseguem essa façanha de lançar um vídeo e o mesmo “viralizar” e ter milhares de visualizações. Não se engane, isso não o tornou rico, apenas abriu as portas para ele. Se o mesmo não souber como proceder irá sumir na mesma proporção em que apareceu.

O que estou tentando explicar é que por se tratar de sua nova “profissão” (seja em tempo parcial ou integral), você vai ter que se especializar, e isso requer tempo e dedicação para adquirir novos conhecimentos.

Porém, posso garantir que todo esse investimento (digo no sentido temporal, pois tempo é dinheiro) será recompensado em um futuro bem próximo!

Tudo aquilo que conseguimos de modo fácil e sem uma estrutura sólida e forte, pode desmoronar a qualquer momento. E essa não é a ideia aqui.

Nossa principal intenção é construir um negócio duradouro, sólido e muito lucrativo, nem que para isso sejam necessários alguns meses de treinamento!

Foco! A chave para alcançar seus objetivos

Com a infinidade de possibilidades de empreender online e começar a ganhar dinheiro pela internet, cria-se a grande necessidade de focar em algo. O primeiro passo é escolher uma das opções que falei mais acima e FOCAR! Você vai precisar disso. Faça um curso, presencial ou online, estude bastante, desenvolva técnicas, enfim, se torne um especialista na área que escolheu.

Aqui no nosso blog, o foco é o Mercado de Infoprodutos, tanto para afiliados como para produtores.

Nesse artigo explico o motivo da escolha dessa área do empreendedorismo digital, o quanto ela é promissora e inexplorada aqui no Brasil.

Espero que com esse artigo você tenha começado a entender um pouco mais sobre esse assunto, qualquer dúvida ou sugestão é só deixar nos comentários!

Não esqueça de compartilhar nas mídias sociais.

 

Summary
Review Date
Reviewed Item
Como ganhar dinheiro Online
Author Rating
51star1star1star1star1star

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *